Tuesday, May 22, 2007

Projetos de Lei

“I cannot support a bill that contains nothing more than toothless benchmarks and that allows the president to continue what may be the greatest foreign policy blunder in our nation’s history. There has been a lot of tough talk from members of Congress about wanting to end this war, but it looks like the desire for political comfort won out over real action. Congress should have stood strong, acknowledged the will of the American people, and insisted on a bill requiring a real change of course in Iraq.”

“Eu não posso apoiar um projeto de lei que contém nada mais do que notinhas desdentadas que permitem que o presidente continue o que pode ser o maior desastre na política externa da história de nossa nação. Houve muita conversa brava entre os membros do Congresso a respeito do término dessa guerra, mas parace que o desejo ao conforto político se sobrepôs à verdadeira ação. O Congresso deveria ter se mantido forte, reconhecido a vontade do povo Americano, e insistido em um projeto de lei que exigisse uma mudança real no curso do Iraque.”

Russel D. Feingold, Representante Democrata de Wisconsin sobre o projeto de lei exposto hoje, permitindo o orçamento à guerra do Iraque acompanhado de referências jurídicas que, tal qual o veto presidencial, o presidente também tem a autoridade de ignorar.

Retirado do sítio do New York Times.

5 comments:

Jens said...

Congreso legislando contra os interesses do povo? Mais uma vez os EUA se curvam ao Brasil.

Jens said...

CongreSSo, porra!

R.C said...

brilhante comentario, capitao!

Moita said...
This comment has been removed by the author.
Moita said...

Roy

Tanto lá como ca, o congresso fica sempre meio ajoelhado.

Abraços