Wednesday, January 21, 2009

I´m so sorry

8 comments:

mulher de sardas said...

Como assim?????????????

Camila said...

as coisas andam mudando no mundo, especialmente no mundo dos blogs...
Como historiadora, eu acredito no poder da "matéria vertente".
Boa sorte nos seus novos vôos.
Abraço
Camila

Cris said...

Roy,

Discordar, brigar, se alterar, voltar atrás,se declarar...são movimentos , garoto, humanos e vitais.Que atire a primeira pedra quem nunca magoou alguém,aquí nesse meio virtual,onde tudo é mais exacerbado : a mentira, a verdade, a paixão ,a vaidade, a raiva, a pretensão...
Não vemos os olhos do outro, apenas suas emoções.

Fica frio.

beijão.

Roy Frenkiel said...

Não nego que não faça parte, mas no momento preciso me alimentar para poder escrever o que penso sem "vastas emoções em pensamentos imperfeitos". Preciso mesmo, se não a coisa vira palhaçada de menino birrento. Novamente, grato pela paciência,

Roy

sandra camurça said...

Menino, você pode não acreditar mas vou sentir sua falta.
Fica bem, viu?
Beijo grande.

luzdeluma said...

Poxa vida, Roy!! Os Intensos não pode acabar!! Veja só o nome que escolheu pra ele! Quem sabe agora ele esteja assumindo a sua verdadeira identidade e sendo intenso, muito mais que político ou porra lôca?
Citou dois fatos acontecidos recentemente, um bom e um ruim. Será sempre assim, acontecerão coisas para nos desestabizar e mesmo que pense estar 'caquético', daqui uns dias verá com mais clareza as coisas. Não delete o bloguinhú para não se arrepeder depois. Aceite esse tempo como um 'balanço' e você é um 'Baita Caudilho', eu sei e o Jens também sabe!!
A gente se bloga por aí, heim? Beijus

rouxinol de Bernardim said...

Meu caro:

a vida continua, mesmo que as depressões possam surgir na vida de cada qual!

Israel e o Hamas são farinha do mesmo saco, mas, neste caso concreto, quem ateou o rastilho, quem deu início às hostilidades, foi o Hamas!

Houve excesso de legítima defesa, é um facto incontroverso. Mas do outro lado, não houve um persistetente, insano, cobarde, e injustificado ataque a civis e pessoas indefesas.

Oxalá se entre definitivamente num clima de inteligência e de pacificação pois assim só dá para engordar os peculios de traficantes de armamentos.

Marcelo F. Carvalho said...

Deixa disso, Roy! Você já faz parte do "dentro da gente".
Abraço forte!